Gestores têm até o dia de 30 de março para informar a pasta os tipos de equipamentos e materiais permanentes. Medida servirá para a criação de um mapa das necessidades dos estados, reforçando o atendimento a milhares de pessoas que dependem do SUS O Ministério da Saúde, em iniciativa inédita, acaba de lançar um cadastro

CISBAF CREDENCIA PRESTADORES DE SERVIÇOS DE SAÚDE

quarta-feira, 15, fevereiro , 2017 by

A iniciativa visa disponibilizar consultas de especialista e exames para a população de 11 municípios da região O Cisbaf – Consórcio Intermunicipal de Saúde da Baixada Fluminenseestá credenciando até o dia 21 de fevereiro prestadores de serviços de saúde que atuam no Estado do Rio de Janeiro. O principal objetivo da iniciativa do consórcio é atender

  A Coordenação Geral do SIOPS (Sistema de Informações Sobre Orçamento Público em Saúde) no Ministério da Saúde informa que até o presente momento  2993 municípios ainda não registraram o respectivo Secretário(a) Municipal de Saúde no sistema, para fins de homologação dos dados contábeis no SIOPS. O uso do certificado digital é obrigatório para registro do

O Conselho de Secretarias Municipais de Saúde do Estado do Rio de Janeiro (Cosems RJ) torna público seu apoio irrestrito à garantia do pleno e adequado funcionamento da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ), fortemente prejudicado pela grave crise econômica que o Estado do Rio de Janeiro atravessa. Um dos principais centros universitários

Ministério da Saúde vai avaliar cada inserção para definir ações de apoio às cidades com dificuldade para aderir ao novo sistema de informações. Prazo final é 10 de dezembro Municípios brasileiros que ainda não utilizam prontuário eletrônico em suas unidades básicas de saúde têm prazo a partir do dia 22/11 para apresentar as suas justificativas

Senado abre consulta pública sobre PEC 241

terça-feira, 01, novembro , 2016 by

A PEC 241, aprovada pela Câmara dos Deputados, recebeu novo número, agora é chamada de PEC 55/16. No Senado Federal, a Proposta vai ser discutida na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), onde o relator designado é o senador Eunício Oliveira (PMDB/CE), também líder do partido no Senado. A CCJ do Senado, diferente da CCJ

De 22 a 30 de outubro será realizada a Semana Nacional de Prevenção ao Acidente Vascular Cerebral. A iniciativa faz parte de uma campanha global que traz como tema, em 2016, “AVC tem tratamento: vidas podem ser melhoradas com mais conscientização, acesso e ação”. A ideia é que cada município se mobilize de alguma forma

O Ministério da Saúde lançou, dia 13 de setembro, a Campanha Nacional de Multivacinação 2016. O objetivo da campanha é mobilizar os pais ou responsáveis a levarem seus filhos para atualizar o cartão de vacinação. Este ano, a ação será voltada para menores de cinco anos, para crianças de nove anos e adolescentes de 10 a 15 anos incompletos. Para isso, o Ministério da Saúde enviou 19,2 milhões de doses extras de 14 vacinas para os postos de saúde de todo o país. A campanha será realizada de 19 a 30 de setembro e o dia D da mobilização nacional será no sábado, 24. O objetivo é reduzir a incidência doenças imunopreveníveis no país e diminuir o abandono à vacinação. Como a vacinação será de forma seletiva para a população alvo, não há meta a ser alcançada.

Ministério da Saúde e Opas lançam edital da 1ª Edição do Mapeamento de Experiência de Excelência no Cuidado à Pessoa Idosa no Contexto Domiciliar. A iniciativa pretende dar visibilidade às práticas bem-sucedidas no Sistema Único de Saúde (SUS), buscando o potencial de inovação e indicando os resultados alcançados e os caminhos para sua ampliação. Gestores e profissionais de saúde dos âmbitos municipal, estadual e federal podem se inscrever, até 07 de outubro, em dois eixos temáticos: “Cuidado à Pessoa Idosa na Atenção Domiciliar” e “Gestão da Atenção Domiciliar à Pessoa Idosa”.

Economistas discutem a PEC 241

quarta-feira, 14, setembro , 2016 by

Economistas discutem a PEC 241
Os impactos da PEC 241 para a gestão municipal da Saúde estiveram em pauta em São Paulo, dia 12 de setembro, durante fórum promovido pelo Conselho Nacional de Secretarias Municipais de Saúde (Conasems) e o Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass). Representantes das duas entidades, do Ministério Público de Contas de São Paulo e doutores em Economia da Fundação Getúlio Vargas (FGV) e Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) debateram as implicações da proposta para todos os setores, especialmente as áreas sociais.

TOP