MAIS MÉDICOS

O Cosems RJ vem apoiando políticas para superar a dificuldade em levar médicos para regiões onde há escassez ou até mesmo ausência desses profissionais. Em 2013, quando a foi sancionada a Lei nº 12.871, do Programa Mais Médicos, diretores e a equipe de técnicos da nossa entidade somaram-se à equipe do Ministério da Saúde para viabilizar este programa, que faz parte de um amplo pacto de melhoria do atendimento aos usuários do SUS. Desde a recepção aos primeiros 224 médicos estrangeiros em nosso estado, ainda naquele ano, o Cosems RJ não tem economizado esforços para viabilizar e consolidar este importante programa de saúde pública. Recebemos, portanto, com tristeza a notícia, no dia 14 de novembro, de que o Ministério da Saúde de Cuba optou por não participar mais do PMM. Na ocasião, apoiamos a nota conjunta do Conselho Nacional de Secretarias Municipais de Saúde (Conasems) e da Frente Nacional de Prefeitos (FNP), apoiando também a manutenção do Mais Médicos para resguardar a continuidade do atendimento aos milhões de brasileiros que vivem onde chega o Programa.

Neste espaço, trazemos algumas notas oficias, links para reportagens e artigos de opinião sobre essa questão. Sabemos que os acontecimentos são dinâmicos e que alguns desses documentos podem se tornar desatualizados, mas, de qualquer forma, além de promover o debate sobre o tema entre os gestores e ajudar a embasá-los, pretendemos deixar registradas algumas das principais passagens deste momento que vivemos.

Programa Mais Médicos – legislação e editais

Lei nº 12.871, de 22 de outubro de 2013 – Institui o PMM

Editais abertos e editais anteriores

Notas oficiais e opiniões diversas

Orientação aos secretários
Conasems

Mais Médicos: Nota de esclarecimento e orientação aos secretários 

Conasems

Abrasco sobre a
saída dos médicos cubanos

Nota Abrasco sobre a saída dos médicos cubanos do Mais Médicos

 

Ministério da Saúde Pública de Cuba divulga declaração

Ministério da Saúde Pública de Cuba divulga declaração sobre o Programa Mais Médicos 

O que disseram Cuba e Bolsonaro sobre a saída dos cubanos

Mais Médicos: O que disseram Cuba e Bolsonaro sobre a saída dos cubanos do programa – BBC Brasil

Prefeitos e secretários pedem para manter
cubanos no Mais Médico

Prefeitos e secretários pedem para manter cubanos  – Agência Brasil

Adesão ao Mais Médicos cria buraco de 2.800 médicos

Adesão ao Mais Médicos cria buraco de 2.800 médicos em postos do Saúde da Família

Os médicos cubanos

Vídeo: Programa Mais Médicos

Saúde Para as Comunidades Mais Vulneráveis (OPAS)

 

Mais Médicos: 1.307 profissionais

Cooperação internacional já retornaram a Cuba

 

 

Saída de cubanos

Afeta também os centros urbanos

 

 

 

Folha informativa

Organização Pan-Americana de Saúde Informações e resultados do Programa Mais Médicos

 

Atuação do Cosems RJ

Nota: Cosems RJ

Manifesta total apoio ao Programa Mais Médicos nas atuais condições de contratação

Cosems RJ

Participa do encerramento do 2º e 3º ciclos do Mais Médicos no Rio de Janeiro

Comissão de Coordenação Estadual

Projeto Mais Médicos para o Brasil (CCE) é formada por membros do Ministério da Saúde, SES-RJ e Cosems RJ

 

TOP